quarta-feira, 19 de maio de 2010

Acompanhe aqui Santos x Grêmio

http://minutoaminuto.clicrbs.com.br/lsb/jsp/index.jsp?spev=86977

Nei vira dúvida

O técnico do Inter, Jorge Fossati, pode ter um problema de última hora para a partida contra o Estudiantes, às 19h45min desta quinta-feira, pelo jogo de volta das quartas de final da Libertadores. Na tarde desta quarta, o lateral-direito Nei treinou com uma proteção no joelho direito e virou dúvida. Se não puder jogar, Glaydson será o substituto.
Walter é outro com situação indefinida. Com dores na panturrilha, deverá começar no banco. No esquema 3-6-1, o time mais provável terá: Pato Abbondanzieri; Bolívar, Sorondo e Fabiano Eller; Nei (Glaydson), Sandro, Guiñazu, Andrezinho, D’Alessandro e Kleber; Alecsandro.

"Precisamos ter consciência que estamos vencendo"

O Inter venceu a primeira partida contra o Estudiantes, pelas quartas de final da Libertadores, por 1 a 0, no Beira-Rio. No jogo decisivo desta quinta-feira, na Argentina, o atacante Alecsandro afirma que o time precisa entrar em campo consciente da vantagem que tem: — Temos que ter consciência que estamos vencendo. Começamos um jogo de 90 minutos vencendo por 1 a 0. Não podemos nos desesperar para fazer um gol. Querendo fazer um gol de qualquer forma, de qualquer jeito. Como estamos vencendo, quem tem que correr mais é o adversário — disse. O Estudiantes precisa fazer dois gols de vantagem para eliminar o Inter. Se o Colorado marcar na partida, obriga o adversário a fazer três. O técnico Fossati deve usar o esquema 3-6-1, com apenas Alecsandro no ataque.

Grêmio escalado para enfrentar o Santos com Joílson na esquerda

O Grêmio entra em campo na noite desta quarta-feira para enfrentar o Santos com Joílson na lateral-esquerda. O técnico Silas preferiu o jogador para reforçar a marcação no setor. Neuton, que estava atuando na posição, está lesionado. Bruno Collaço falhou contra o Corinthians, pelo Brasileirão, e perdeu a oportunidade. No meio de campo, William Magrão, Adilson, Hugo e Douglas começarão jogando. A zaga é a reserva, com Ozeia e Rafael Marques. O time que entra em campo terá Victor; Edilson, Ozeia, Rafael Marques e Joílson; William Magrão, Adilson, Hugo e Douglas; Jonas e Borges.

terça-feira, 4 de maio de 2010

Wallpaper do Campeão Gaúcho de 2010


Rio Grande do Sul é Azul

Jogando como regulamento debaixo do braço o Grêmio conseguiu ser Campeão do Gauchão 2010 mesmo perdendo para o Internacional por 1 a 0 na tarde deste domingo. O Gol do Internacional foi marcado por Giuliano aos 9 minutos do primeiro tempo, apesar do Gol e da vitória o Inter não levantou o caneco, já que o Grêmio venceu o primeiro jogo por 2 a 0. Com o título, o Grêmio agora tem 36 títulos estaduais, já o Internacional segue na frente de seu rival com 39 títulos conquistados.

sábado, 1 de maio de 2010

Grêmio vence no Maraca

Na estreia de Muricy Ramalho no comando do Fluminense, o Tricolor das Laranjeiras sentiu na pele a fama de copeiro do adversário. Nesta quinta-feira, o Grêmio venceu o Flu de virada por 3 a 2, no Maracanã. Apesar de atuar com mais um jogador desde o fim do primeiro tempo, o Fluminense não tirou vantagem.
O segundo duelo entre os tricolores pelas quartas de final da Copa do Brasil será próxima quarta, no Estádio Olímpico Monumental, em Porto Alegre. Com o resultado positivo e os gols feitos no Rio de Janeiro, o Grêmio poderá até mesmo perder por 1 a 0 que estará classificado. Ao Flu, resta vencer por uma diferença de dois gols ou levar a melhor com quatro gols fora de casa.

Derrota coloca Fossati na corda bamba

O Internacional jogou mal e foi prejudicado pela arbitragem. Resultado: perdeu para o Banfield por 3 a 1, nesta quarta-feira, na Argentina. Agora, para ir às quartas de final da Libertadores, terá de vencer por 2 a 0 na próxima quinta-feira, no Beira-Rio.
Diante de um Banfield respeitador, o Inter ficou no 0 a 0 no primeiro tempo. Culpa do 3-6-1, que deixou o já limitado Alecsandro solitário entre os zagueiros. Mas também pela lentidão geral e pela falta de ousadia do meio de campo, que abusou dos passes laterais.
Só Kleber criou alguma coisa. Poderia ter sido pior: aos 19, Abbondanzieri entregou a bola no pé de Fernandez, que, felizmente, passou a Ramírez, impedido. Pouco depois, o goleiro se redimiu ao defender cabeceio de Lopes. Aos 35, Nei foi derrubado por trás na grande área, mas o árbitro parece não ter visto. drama: Kleber foi expulso, por jogada violenta, aos 12. Um minuto depois, gol irregular de Battion, depois de dois impedimentos em seqüência: Banfield 2 a 1. O Inter reagiu, mas sofreu contragolpes. Aos 35, bola alta, a defesa não tira e Fernandez faz 3 a 1.O fim está próximo...

Grêmio sai na frente na decisão do Gauchão

Com uma atuação sensacional no segundo tempo, o Grêmio derrotou o Internacional por 2 a 0, na tarde deste domingo, no Beira-Rio, e botou a mão na taça. Foi o primeiro dos dois clássicos da decisão do Gauchão. No próximo domingo, no Olímpico, o Tricolor poderá até perder, desde que por um gol de diferença, que mesmo assim será o campeão – recuperando um caneco que não vê desde 2007. Vitória colorada por 2 a 0 levará à decisão por pênaltis.
Foi na garra, no maior volume de jogo, no desassombro. No primeiro tempo, o Inter ainda conseguiu conter o ímpeto do time de Silas, na base do toque de bola. Mas, no segundo, com um meio-campo mais movediço e ousado, o Grêmio chegou aos 2 a 0 – com gols de Rodrigo e Borges em cabeceios de bola parada –, isso depois de arrematar três bolas na trave. O colorado escapou de uma goleada histórica, agora vamos ver como será np Olímpico.